Cães de grande porte podem se adaptar em um apartamento? Sim, eles conseguem se adaptar em lugares menores, mas precisam ser acostumados desde pequenos e terem as suas necessidades supridas dentro desse espaço. Para te passar algumas dicas sobre essa rotina, entrevistamos a Danielle Dalbosco, tutora da Pandora e da Minerva, duas Husky que moram em um apartamento de 54 m.

Desde pequena, Danielle sonhava em ter cães da raça Husky e tinha certeza de que, quando fosse morar sozinha, a primeira coisa que faria seria ter um cachorro de grande porte. Foi então que um casal de amigos dela (tutores de um par de Husky) ofereceu um dos filhotes da ninhada para Danielle. Pandora nasceu no mesmo mês em que ela recebeu as chaves do seu apartamento, então a adaptação com o novo espaço foi importante para as duas.

cães-de-grande-porte-em-ap-huskey-deitado

Pandora nasceu no mesmo mês em que Danielle recebeu as chaves do seu apartamento.

Danielle conta que, antes de receber Pandora em casa, pesquisou creches próximas de casa, onde poderia deixá-la durante o dia, enquanto estaria no trabalho. E também leu muito sobre as necessidades da raça: “é muito importante ler antes sobre as características do cachorro para que possa ver se a tua rotina de vida vai se adequar às necessidades dele.“.

Por ser uma raça de grande porte, esses cães necessitam de atividades físicas diárias para que, assim, não se sintam entediados dentro de um apartamento.

cães-de-grande-porte-em-ap-cão-deitado

Eles necessitam de atividades físicas diárias para que não se sintam entediados dentro de um apartamento.

Se pudesse, Danielle teria 20 cachorros, mas pelo espaço do apartamento e sua rotina de vida, consegue dar a atenção e cuidados somente para 2.

A decisão de ter mais um pet veio a partir do momento em que começou a notar que Pandora brincava muito com os outros cães enquanto estava na creche ou em parques, foi então que Minerva chegou na família.

cães-de-grande-porte-em-ap-família

Minerva chegou para brincar com Pandora.

Para conviver em harmonia, Danielle criou uma rotina: Pandora e Minerva frequentam a creche todos os dias, se alimentam sempre no mesmo horário e passeiam nos finais de semana – para garantir que gastem a sua energia como no decorrer da semana nas atividades que realizam na creche.

cães-de-grande-porte-em-ap-dupla

Danielle criou uma rotina diária para os cães, que frequentam a creche e passeiam nos finais de semana.

No perfil @apt1002, Danielle compartilha os momentos das pets dentro do apartamento.

Conhece uma história parecida? Vamos adorar conhecer!